Motoristas e cobradores fazem assembleia e não descartam greve em Curitiba
06/11/2018 08:31 em Novidades

Motoristas e cobradores de ônibus de Curitiba e Região Metropolitana podem entrar em greve. O Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana (Sindiomoc) emitiu, em sua página oficial, uma nota convocando os trabalhadores para uma assembleia geral nesta quinta-feira (8), às 15h, na Praça Rui Barbosa, no Centro de Curitiba.

 

Na convocação, os representantes deixam claro que votarão pela aprovação de um indicativo de greve geral da categoria. A medida é contra o projeto de lei que pede a bilhetagem eletrônica em todo o sistema de transporte da capital. A proposta foi enviada pela Prefeitura à Câmara Municipal de Curitiba na última semana. Para o sindicato, o projeto é a ‘Lei de Desemprego’, pois coloca um fim na profissão dos cobradores.

 

A Prefeitura de Curitiba  contesta a afirmação e diz que os cobradores serão reaproveitados, passarão por capacitação e terão novas funções dentro do sistema de transporte integrado. O sindicado não concorda e diz que em outros locais onde foi implantando o sistema, todos os funcionários foram demitidos. "Em Joinville, primeira cidade do Brasil a extinguir o cobrador, passagem atual é a mais cara do país", diz o comunicado do Sindimoc.

 

Ainda conforme o sindicato, a medida afeta mais de 6 mil trabalhadores e reitira do mercado R$ 17 milhões mensais, valor relativo aos salários pagos a estes profissionais.

 

COMENTÁRIOS